Olheiras – o que fazer?

olheiras

#PARCERIA Este artigo foi escrito em parceria com a Fillmed. Esta é sem dúvida uma das coisas que sempre me incomodou no rosto, tendo em conta que tenho olheiras mesmo muito marcadas desde que era criança. Tanto que o primeiro produto de maquilhagem que utilizei foi um corretor de olheiras. Não é segredo nenhum e já partilhei nas redes sociais, que tenho estado a fazer um tratamento para as olheiras que consiste num total de 5 aplicações de uma solução de mesoterapia da Fillmed: o NCTF 135 HA aplicado com um dispositivo novo, o Nanosoft. Quando a Fillmed me convidou a fazer este tratamento eu confesso que já tinha experimentado de tudo e nenhum creme (NENHUM) resultou comigo. Nem mesmo dormir mais resulta nas minhas olheiras. Aliás, quando durmo mais ainda é pior (pela estase sanguínea que acontece durante a noite). Então, no caso de olheiras o que fazer? Vou falar do meu caso, que são olheiras escuras.

 

olheiras

Um tratamento com um dispositivo inovador

Este tratamento é inovador pela forma como é feita a aplicação de uma solução que contém ácido hialurónico e um cocktail de outros ingredientes, o NCTF 135 HA. O dispositivo novo utilizado, o Nanosoft, é um dispositivo com agulhas que se monta numa seringa (do mesmo modo que uma agulha convencional) mas neste caso tem 3 microagulhas com 0,6mm de comprimento por onde esta solução (ou outras) são injetadas na pele levando estas substâncias à matriz dérmica. O protocolo, que já tem resultados bastante promissores, compreende 3 sessões com intervalos de 15 dias e duas sessões finais com intervalos de 1 mês. No meu caso fiz o 1º tratamento no dia 26 de Julho, o 2º no dia 7 de Agosto, o 3º no dia 28 de Agosto, o 4º no dia 24 de Setembro e o 5º no dia 5 de Novembro, também de acordo com as disponibilidades minha e da médica. Durante todo o protocolo (entre Julho e Novembro) eu não alterei nenhum produto usado na zona ocular para conseguir aferir bem os resultados (usei apenas durante 2 dias um novo creme para o contorno dos olhos, uma vez que o meu habitual acabou entretanto).

olheiras

olheiras

Uma solução usada para várias queixas de pele e para as olheiras

NCTF 135 HA é o nome da solução utilizada neste tratamento para as olheiras, um complexo que também é usado em mesoterapia para rejuvenescimento da pele (fiquei com curiosidade em experimentar também com esta finalidade). Contém ácido hialurónico e 59 ingredientes revitalizantes da pele (vitaminas, aminoácidos, coenzimas e ácidos nucleicos) tendo como indicações comprovadas: luminosidade da pele (+144%(1)), hidratação (+132% (1)), homogeneidade (+52% (2)), rugas (-33% (2)) e poros reduzidos (-59% (2)). O NCTF 135 HA pode ser usado em qualquer idade* e tipo de pele para corrigir visivelmente os sinais do envelhecimento e é particularmente adaptável a mulheres e homens que procuram um aspeto menos cansado e uma pele com aparência mais saudável. Esta solução tem de ser administrada em ambiente clínico por um médico com formação e experiência em técnicas de injeção em multipuntura, pelo que não pode ser feito por pessoal não médico (nunca deverás realizar um procedimento médico-estético sem ser com um médico muito experiente nesta área).

*Não pode ser utilizado em crianças, grávidas ou mulheres a amamentar

(1) Estudo sobre os efeitos das injeções intradérmicas repetidas, com NCTF 135 HA, nas consequências do envelhecimento cutâneo da face, 2011. Estudo prospetivo, multicêntrico e aberto, conduzido em 17 centros. 40 pacientes incluídos (média de idades 51,5 anos), 3 dos quais abandonaram o estudo. 4 sessões com intervalos de 15 dias e 1 sessão após 30 dias. (2) Avaliação clínica da eficácia antienvelhecimento da mesoterapia com NCTF 135 HA, em voluntários saudáveis, 2014. Estudo prospetivo, centro único e aberto. 20 pacientes incluídos (média de idades 49,25 anos), 2 dos quais abandonaram o estudo. 3 sessões com intervalos de 15 dias e 2 sessões com intervalos de 30 dias.

olheiras

olheiras

olheiras

A minha avaliação sobre o tratamento

Devo começar por dizer que estava muito cética, tal como a Dra. Marisa André, a minha dermatologista. Isto porque as olheiras são provavelmente das queixas que menos respondem a variadíssimos tratamentos. Nas primeiras 2 aplicações não vi resultados na cor das olheiras, embora notasse a pele bastante mais hidratada. Após a 3ª aplicação já tive resultados visíveis na cor, tanto que não só a dermatologista, como a equipa de enfermagem da clínica me referiram ver resultados na cor das olheiras. Onde vi maiores diferenças foi sem dúvida depois do 4º tratamento: senti uma redução bastante grande na cor (eu tinha olheiras castanhas muito escuras!), percetível até na quantidade de maquilhagem que passei a colocar (bastante menos para ter um olhar mais “fresco” e luminoso). Não fiquei com zero olheiras (nem era essa a expectativa nem as promessas do tratamento) mas sinto-me com um ar bastante mais jovem pela luz que se devolveu à zona ocular. A Dra. Marisa André explicou-me que agora que os 5 tratamentos terminaram podemos eventualmente colocar ácido hialurónico na zona, mas que o “grande trabalho” em muito foi avançado. Estou bastante satisfeita porque reduzi bastante a cor das minhas olheiras, já não tenho um ar tão abatido e cansado como tinha habitualmente (mesmo dormindo bastante!).

olheiras

olheiras

olheiras

Perguntas que me colocaram sobre este procedimento
  • Preço: o preço deste procedimento varia muito de clínica para clínica, de médico para médico, sobretudo em Portugal onde a oferta é pequena. Além disso estes tratamentos também podem fazer parte de um protocolo conjunto com laser, peelings e/ou preenchimentos o que afeta bastante o preço individual. Cada sessão poderá rondar os preços da mesoterapia convencional (por exemplo entre 120 – 150 €) mas deverá ser visto caso a caso.
  • Efeitos secundários: no imediato, as pápulas apenas (que são bem visíveis nas fotos) que demoram de 12 a 24 horas a desaparecer totalmente (no meu caso desapareceram sempre em 3 a 4 horas nas 5 sessões); até então não existem outros efeitos secundários registados, mas podem ocorrer. Vou deixar no final do artigo mais informação sobre este ponto.
  • Duração do efeito final: é muito relativo… depende do tipo de pele e da quantidade de sessões efetuadas. Após o protocolo de 5 sessões, seis meses é o tempo que se respeita para pelo menos mais 1 sessão e manter o resultado das anteriores.

olheiras

olheiras

olheiras

  • É preferível a um preenchimento na zona com ácido hialurónico? Para as olheiras escuras sim. Para além de ser mais seguro para uma zona de risco potencial, a constituição de NCTF 135 HA é altamente compensadora para o défice de ingredientes que comprometem a zona do contorno ocular. As múltiplas punturas são também benéficas para ativar a neocolagénese (novo colagénio) e a formação de novos vasos capilares repondo a microcirculação e minimizando as olheiras.
  • Quem é intolerante à dor, como pode fazer? Pode aplicar um anestésico local e a dor torna-se completamente impercetível. No meu caso não usei anestésico e foi perfeitamente suportável (lacrimejei umas vezes e claro que senti as microagulhas, mas não achei difícil).
  • Médicos que façam este tratamento: Eu fiz com a minha dermatologista, Dra. Marisa André, na Clínica Laser de Belém, em Lisboa. Deixo aqui também a indicação de outros médicos que já fazem esta técnica noutras zonas do país: Porto: Dr. Enrique Galvez (Clínica Endul) e Dra. Teresa Almeida (Clínica EME); Norte do país: Dra. Cristiana Macedo (consultório em Braga), Dr. Edgardo Malheiro (Famalicão), Dra. Helena Cerqueira (Braga), Dra. Emília Magalhães (Clínica Pele Sã, Braga); Centro do país: Médicas da Clínica Rejuvemed, Leiria e Coimbra; Algarve: Dr. Pedro Viegas (Faro) e Longevity Health & Wellness Hotel (Alvor); Funchal: Dra. Marta Pereira (consultório) e Dra. Bárbara Pereira (consultório).

olheiras

olheiras

As fotografias nestas condições de iluminação são muito difíceis para mostrar o verdadeiro resultado final. Ainda assim deixo uma montagem que fiz, sem qualquer alteração nas fotos originais, e onde se consegue perceber bem a diferença entre o 1º tratamento e o 5º (no 5º a foto mostra os resultados obtidos ao fim do 4º tratamento – o 5º iria ser feito após a fotografia).

olheiras

Prometo trazer em breve mais pormenores sobre este tratamento, até porque também colocámos a solução noutras zonas, nomeadamente nas rugas do pescoço. Confesso que fiquei fã e agora penso que o meu rosto poderia também beneficiar bastante da mesma solução NCTF 135 HA como tratamento para a luminosidade e hidratação de todo o rosto. O que gostavas de saber mais sobre este procedimento?

Fotografia: Márcia Soares

Disclaimer: embora este artigo seja uma parceria, ele contém apenas as minhas opiniões sinceras sobre este tratamento. Este tratamento foi-me oferecido na totalidade pela Fillmed. As parcerias neste projeto são importantes para que o mesmo tenha viabilidade financeira, o que não significa que qualquer marca ou produto tenha visibilidade no projeto Beautyst, antes pelo contrário, tal como referido aqui. Todas as parcerias são pensadas por forma a serem informativas e úteis, e acima de tudo, com marcas, produtos e serviços com os quais eu me identifico e com os quais eu tenho uma excelente experiência.

Contraindicações: O Nanosoft não deve ser utilizado em abrasões da pele, feridas abertas, cortes e cicatrizes. O Nanosoft não deve ser utilizado em erupções cutâneas, infeções da pele ou em qualquer outra área da pele com lesão ou doença.

Advertências e precauções: O Nanosoft destina-se a utilização única, por profissionais de saúde. A sua reutilização pode provocar uma infeção ou outra doença/lesão. Os dispositivos, utilizados ou não utilizados, não devem ser fechados novamente ou removidos da seringa, salvo se não houver alternativa, ou tal ação for solicitada por um procedimento médico específico. O Nanosoft não se destina à aspiração de líquidos. Se o dispositivo parecer estar danificado ou quebrado, deve ser descartado e usar-se um novo dispositivo.

Reações adversas: Foram observadas reações adversas locais, incluindo edema, eritema e descoloração da pele no local da injeção, provavelmente provocadas pela substância injetada e não pelo Nanosoft. As reações adversas relacionadas ao uso do Nanosoft incluem pequenos riscos de micro-hemorragias (pontos de sangue autolimitadores que desaparecem no tempo normal de coagulação). Outras reações adversas potenciais relacionadas com o uso do dispositivo podem raramente incluir infeção no local da injeção.

 

Posts relacionados

Quais são os ingredientes cosméticos tendência?

Não é novidade nenhuma que escolho os meus produtos de beleza pelos ingredientes que têm. Apesar de ter algumas marcas favoritas, a verdade é que elas são favoritas pela composição e isso sempre me despertou imen...

Outubro 24, 2019

Ingredientes chave nos cosméticos

O mundo da cosmética tem disponível uma grande quantidade de informação, sempre marcada de novidades, tendências, truques e dicas sobre os melhores cuidados de pele. Contudo, tanta informação pode dificultar o mo...

Outubro 3, 2019

Como ler o rótulo de um produto cosmético?

Escolhes os produtos cosméticos que utilizas olhando para o rótulo? Não? Então está na altura de saberes como ler o rótulo de um produto cosmético. Tenho o hábito de escolher sempre da primeira forma. Vendo os in...

Setembro 19, 2019

Comenta este post

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

As seguintes regras de RGPD (Regulamento Geral Proteção de Dados) terão de ser lidas e aceites:
Este formulário armazena o teu nome, e-mail e conteúdo para que possamos acompanhar os comentários colocados no site. Para mais informações, consulta a nossa política de proteção de dados, onde obterás mais informações sobre onde, como e por que armazenamos os teus dados.

recebe as novidades beautyst

A
Aceito as condições gerais. Consulta a nossa política de proteção de dados.

My beauty Wishlist